terça-feira, 22 de março de 2016

A campanha

O costumado jornalista do D.N. que tem em curso há anos uma campanha contra a Marinha, aproveitou hoje a reportagem da cerimónia militar em Mafra para fazer mais uma das suas espantosas intervenções. Durante a cerimónia um locutor, referindo-se às missões da Marinha, mencionou que esta fazia fiscalização da pesca. Reacção do escriba: Foi dita uma mentira na cerimónia, a Marinha não faz fiscalização de pesca !!!
O que terá passado pela cabecinha da criatura? Já vive no mundo virtual em que os seus desejos se tornam realidade? Estaria sob alguma influência? Mistério.

4 comentários:

O speedy disse...

Mas ele é jornalista ou escriba a soldo de alguém?
Será que a criatura quer ser secretário de estado da polícia marítima?

O Fernão disse...

Qual é a "graça" do rapaz?

O Luís Silva Nunes disse...

Julgo que o JNB se refere ao jornalista Manuel Carlos Freire e à seguinte passagem do seu artigo no DN em 21Mar16:"O Chefe do Estado intervinha em Mafra, na cerimónia de receção das Forças Armadas ao novo Comandante Supremo e que terminou com um desfile de unidades de combate, com o Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA) a transmitir pelos altifalantes uma informação falsa - por não ter qualquer suporte constitucional ou legal: que a Marinha faz "fiscalização da pesca".

Esta afirmação também é contrária à garantia pública dada momentos antes ao Comandante Supremo pelo principal chefe militar, general Pina Monteiro: que os militares cumprirão as missões atribuídas, "como sempre, no respeito pela Constituição e pela Lei e na subordinação às orientações políticas, emanadas pelos competentes órgãos de soberania".

O J.N.Barbosa disse...

Teve um destaque separado, numa caixa dedicada à afirmação mentirosa.