sexta-feira, 10 de abril de 2009

Encalhe


De acordo com o "Correio da Manhã", onde fui buscar também a imagem, aconteceu ontem, perto de Albufeira. Dizem que a embarcação estava cheia de turistas que, parece, só sofreram o susto. A mim fez-me lembrar uma cena passada há cerca de quarenta anos, no norte de Moçambique, com a "Francisco de Almeida". Se não me falha a memória havia dois OCeanos embarcados: o Galã e o P. Calado.

Boa Páscoa, sem encalhes, é o que eu desejo para todos.

3 comentários:

O J.N.Barbosa disse...

A diferença é que em Moçambique era um fundo de areia lisa.
Isto são tudo navegadores de GPS!

O Orlando Temes de Oliveira disse...

Tenho que tirar o chapéu ao navegador que conseguiu esta habilidade! Não é fácil.... Se calhar será um daqueles que defende que é um exagero as exigências de formação, nomeadamente na naútica de recreio (carta com estes artistas andam e que as instituições de tutela permitem...). E já agora será que se confirma que a Escola das Marinhas de Comércio e Pesca não era necessária?

O J. Henriques disse...

Se bem me lembro, por volta de 1976, o ex-imediato do Francisco de Almeida, cap. ten Oliveira Lemos, publicou nos Anais um interessante artigo sobre como desencalharam o navio, julgo que em fundo de corais.