sábado, 9 de junho de 2018

A Marinha a perder terreno

Reconhecem perfeitamente o sítio mas não o seu primeiro ocupante, que se banha calmamente nas águas calmas outrora povoadas de marinheiros.
Julgo que terá sido a última vez que ali estacionei o carro, segundo informação do Guarda (ainda da Marinha).







2 comentários:

O Luís Silva Nunes disse...

Só apetece cantar: "Oh tempo, volta pa trás"

O Fernão disse...

O SCFAS também podia vir aqui nadar para a despedida ter mais brilho!