quinta-feira, 27 de julho de 2017

OCEANOS


Finalmente! Nasceu a 27 de Julho de 1943, o Luis Paiva de Andrade, ingressando nos OCeanos desde o início, 3 de Set. de 1962.
Coitado teve um familiar próximo que morreu duas vezes. Um dia quando o Oficial de Dia entra na camarata a seguir à alvorada, manteve-se estoicamente de voltas voltadas para o oficial, deleitando-se a ver pela janela passarinho.
Bom Camarada e Amigo, os desejos de passagem deus bom aniversario e que o repitas por muitos anos cheio de saúde e com os teus.
Um grande ABRAÇO.

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Breves encontros OCeânicos


Depois de um alargado período que entrou pelo tempo de férias, houve hoje um breve encontro almoçarista OCeânico no Monte Estoril que serviu para fechar a época e que se revelou muito útil para o bem-estar dos cinco participantes.
A Adega do Monte serviu sardinhas e carapaus de boa qualidade, que satisfizeram a gula de todos. Numa mesa ao lado, encontrava-se um sexto OCeano, muito habitual naquele espaço gastronómico, o que significa que eram seis os OCeanos ali presentes, o que é notável no mês de Julho.

terça-feira, 25 de julho de 2017

OCEANOS EM BRISTOL


Com a Sagres fundeada ao largo de Bristol, os Oficiais e Cadetes OCeanos foram a terra a uma festa em casa do senhor Ray's Brito.
Fomos a pé com uma multidão a aplaudir-nos e com as ruas engalanadas com flores. Foi uma magnífica festa, piscina para um banho antes dos comes, havia calções de banho para todos.
Acabamos a festa ao fim da tarde, depois de termos tirado a barriga de misérias.

sábado, 22 de julho de 2017

OCEANOS EM TERRA


Foi a 24 e Julho de 1964 que os OCeanos se deslocaram de Providence a Ludlow, uma cidade do interior de Massashucets para ter um jogo de futebol com uma equipa de jovens filhos de emigrantes portuguêses. Aí a comunidade Portuguêsa tem grande peso na comunidade. Depois do futebol, que decorreu com um pequeno atrito entre jogadores das duas equipas, descemos para a cave da igreja onde tivemos um beberete, seguido de música para dançar. Regressamos à Sagres bem de noite.

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Língua Portuguesa

Num compêndio para o ensino da Língua Portuguesa nas EUA, correspondente ao nosso 9º ano, que tive oportunidade de consultar há dias, vi que a par do Português genuíno (para mim e para muitos portugueses que não embarcaram em qualquer coisa incompreensível apelidada de novo acordo ortográfico) ensina o Português do Brasil (que não me admiro de amanhã deixar de se chamar assim e passar a ser o Brasileiro).
Mais outra: no mesmo compêndio, aboliu-se completamente a 2ª pessoa do plural na conjugação dos verbos! Os alunos nem sonham que ela existe ou que alguma vez tenha existido.
No caso particular que me possibilitou tomar conhecimento do relatado, o de uma minha neta, a professora é até uma brasileira.
Língua Portuguesa: estão a desligar-te das tuas raízes. Dói-me ver o que permitiram e o abandono a que te votaram os nossos responsáveis. Choca-me ver muitas palavras nos órgãos de comunicação social (aqui, em Portugal!) escritas de forma a que as teria de pronunciar de forma diferente daquela que me ensinaram.
Mas quem sou eu, muito longe de autoridade na matéria, senão alguém a bracejar inconformado contra a corrente poderosa dum facto infelizmente parece que consumado?

quarta-feira, 19 de julho de 2017

OCEANOS- NEW YORK


É neste longínquo dia 19 de Julho de 1964 que a Sagres com os OCeanos embarcados despede-se de New York , a caminho de outras cidades da costa leste, sendo a primeira New London.
Dissemos assim adeus à World's Fair e à sua Unisfera e principalmente a New York um mundo totalmente novo para nós.

terça-feira, 18 de julho de 2017

OCEANOS


Nasceu a 18 de Julho de 1945, o OCeano Almeida Joglar. A sua permanência neste mundo foi curta, tendo falecido a 22 de Abril de 2006.
Perdeu-se um Camarada e Amigo que sempre foi. Recordemo-lo.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

14 de Julho


No desfile do 14 de Julho, hoje em Paris, apareceram americanos fardados como há cem anos, quando vieram safar os franceses na Grande Guerra.
Quanto à participação portuguesa nesta guerra em França, continua a ser ignorada por todos excepto por nós.

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Ramiro Soares Rodrigues


Em dia de aniversário, ofereço-te uma fotografia de 1967 e, portanto, com a bonita idade de 50 anos, que foi tirada sobre a ponte-cais de Porto Amélia, com a baía de Pemba ao fundo, em 12 graus de latitude Sul.

OCEANOS


Nasceu a 10 de Julho de 1944, começou a aprender o rigor militar ainda cedo. Estou a referir-me ao Ramiro Soares Rodrigues que ingressou na Escola Naval, como OCeano em 3 de Setembro de 1962.
Sempre vertical e rigoroso, para além da sua competência profissional sempre demonstrou ser um grande Camarada e Amigo.
Que tenhas um bom dia de aniversário junto com os teus e que repitas está efeméride por muitos anos  sendo sempre o mesmo.
Um Abraço

sábado, 8 de julho de 2017

DESCOBERTAS

(O túmulo de Vasco da Gama nos Jerónimos)

A 8 de Julho de 1497, Vasco da Gama zarpa ao comando de uma armada, de Lisboa com a missão de atingir por mar a Índia, descobrindo assim o caminho marítimo.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

AFÉLIO


Hoje dia 3 de Julho, ocorre o Afélio da Terra, pelas 2000, hora local.

domingo, 2 de julho de 2017

TRATADO DE TORDESILHAS


A 2 de Julho de 1494 os reis católicos Fernando e Isabel de Aragão e Castela ratificam o Tratado de Tordesilhas. Portugal ratificaria mais tarde ( 5 de Setembro).

RECORDANDO


A 2 de Julho de 1964 a Sagres fundeou pela manhã na bacia de manobra de Hamilton, frente ao Hotel Princess, um magnífico hotel de luxo, pintado todo a côr de rosa e que tinha içado todas as bandeiras dos países representados pelos * Tall Ships*.
As licenças foram lodo a seguir ao almoço e como nós cadetes éramos os últimos a embarcar fomos de boleia numa ex-LDM com turistas *camones* e desembarcamos na marina do hotel Princess.
Começou a invasão Lusitana.

sábado, 1 de julho de 2017

RECORDANDO

(Hamilton, Bermuda)

Fazem hoje 53 anos que a Sagres, com os OCeanos embarcados fundeia em Five Fathom Hole, pelas 2120 hora local. Ficamos a ver os neons da cidade de Hammilton, sem poder desembarcar.
Viam-se iates com bonitas guarnições, e nós ali a pensar: amanhã é que é.