sexta-feira, 22 de maio de 2009

Obras na Azarujinha

Foi há um ano e picos que, em pleno Verão, se fizeram obras de restauro na praia da Azarujinha. Trabalhadores e veraneantes lá foram vivendo em paz e sossego.

As placas de revestimento foram substituídas e o pequeno murete que se vê à direita foi deitado abaixo. Em Setembro do ano passado a situação era a que a seguir se mostra.

Um belo pavimento, murete desaparecido ... lamento informar que a tentativa de plantar alguma vegetação não foi coroada de êxito pois as palmeiras iniciais não pegaram.

Passemos agora a princípios de Maio deste ano. Depois de um Inverno bem passado vejamos como a obra ficou.



Bom ... assim não vale. Então que descaramento é este? A gente a fazer e o senhor Mar a estragar? Não pode ser ... vamos lá outra vez.
E assim está a ser ... as obras recomeçaram!

E o mais interessante disto tudo é que o pequeno murete que tão laboriosamente tinha sido exterminado está de novo a ser reconstruído.


Digam lá que isto não é um planeamento de categoria, digam lá que isto não é uma boa maneira de criar emprego ... assim, sim, até dá gosto ver o nosso dinheiro a ser bem gasto!

Nota: Todas as fotografias podem ser ampliadas, "clicando" sobre elas.

2 comentários:

O J. Teixeira de Aguilar disse...

Mal intencionado! Então não vês que isto é unicamente para a taxa de desemprego não aumentar? O Dr. Madelino poderia explicar isso com números, mas números não são o meu forte...

O Nunes da Cruz disse...

Em termos de faz e desfaz, está como as areias da praia de S João na Caparica, que são um sorvedouro de dinheiros públocos para os bolsos de alguns trnsportadores amigalhaços.