sexta-feira, 11 de julho de 2014

África ... adeus!


Na sequência desta onda  pedi informações sobre a matéria à Liga dos Combatentes. Recebi (07Jul) a seguinte resposta, a qual agradeço desde já:

"Caro Senhor
Recebido o seu email, ficaram dúvidas sobre a sua preocupação, ou sobre os territórios sobre os quais tem as referidas dúvidas.
A Liga dos Combatentes já recuperou os cemitérios de Cabo Verde e São Tomé e Príncipe, tendo posteriormente desenvolvido intervenções em toda a Guiné e exumado restos mortais de militares portugueses que repousam agora no Ossário da Liga no cemitério de Bissau, bem tratado e cuidado. Em Moçambique tem desenvolvido idêntica ação, sendo que recuperou os cemitérios de Maputo (são 3), de Nampula - onde construiu um ossário para deposição digna dos Tombados e abandonados no mato, está em curso a recuperação do cemitério de Pemba e muito provavelmente o de Mueda será brevemente alvo de requalificação.
Cremos que terá ficado mais elucidado, mas adiantamos que a Liga não está autorizada pelo governo de Angola a operar naquele País, pelo que nada efetuou para alterar a degradação que sabe existir nos cemitérios municipais e de outras localidades.
Com os melhores cumprimentos 
Fernando Aguda "

Ninguém comentou esta onda