domingo, 12 de abril de 2009

Subsídio de risco


"O Ministério da Defesa e a Marinha estão a analisar a atribuição de um subsídio de risco aos militares portugueses que estão envolvidos em acções com piratas ao largo da Somália. À TSF, o porta-voz do gabinete do chefe de Estado-maior das Forças Armadas confirmou que o assunto está a ser tratado."
(Notícia da TSF)
Oh, que espanto! Descubro, passados tantos anos, que afinal ser militar não comporta geralmente risco nenhum. Aprender até morrer!

1 comentário:

O Orlando Temes de Oliveira disse...

Esta é boa! Afinal os militares querem ser "funcionários públicos" em vez de lutarem pelo reconhecimento da "condição militar". E o Ministério da Defesa agradece..... Mais uma vez os CEMES, calados!Isto não é nada fácil....